Lição 18 – REINAR COM CRISTO NO REINO DOS CÉUS


CURSO BÍBLICO
Lição 18 – REINAR COM CRISTO NO REINO DOS CÉUS
Leitura Bíblica: Mateus 11:12
I – INTRODUÇÃO: Em estudos anteriores vimos que para sermos salvos e receber a vida eterna, bastou-nos crer no nome do Senhor Jesus e em Sua obra redentora (Jo 1:12, 3:16). Pela fé fomos perdoados, justificados, santificados, reconciliados e nos tornamos filhos de Deus. No estudo de hoje veremos que o alvo da salvação de Deus visa fazer de nós Seus filhos, também Seus herdeiros maduros, para que na era vindoura possamos reinar com Cristo e juntamente com Ele governar sobre as nações (Rm 8:17).
1 – Para obtermos o crescimento espiritual que nos levará a reinar com Cristo no reino dos céus, não podemos ser passivos, mas esforçar-nos. Essa é a razão porque

reUNIÃO de todos os serviços da igreja em Recife

Amados,
Próximo sábado, 29ago2015, 18h, haverá reUNIÃO de todos os serviços, favor confirme sua presença em 30 segundos preechendo o link que segue https://docs.google.com/forms/d/1mRhvnQtKcny-hHDtnq6LsMBQikn8QSQBXzvCFGIP45Q/viewform

Lição 17 – AMOR: O CAMINHO SOBREMODO EXCELENTE


CURSO BÍBLICO – Lição 17 – AMOR: O CAMINHO SOBREMODO EXCELENTE
Leitura Bíblica: 1Co 12:31b; 13:1-13
I – INTRODUÇÃO
No nosso estudo da semana passada falamos sobre o perdão de pecados. Perdoar ofensas não é algo fácil, porém, é necessário por ser um mandamento de Deus e também é crucial para o nosso próprio bem estar psicológico e físico. Se não conseguimos perdoar alguém devemos pedir graça ao Senhor, o qual nos capacitará a liberarmos o perdão. No estudo de hoje falaremos sobre o amor, que é o caminho mais excelente que devemos trilhar.
A – TODOS TEMOS DONS ESPIRITUAIS:
1 Em 1Co 12 o apóstolo Paulo fala dos dons espirituais, mostrando que Deus concedeu dons a cada um de nós individualmente (V. 18). Neste capítulo vemos que somos membros do corpo de Cristo e que precisamos funcionar neste corpo. Não imite os outros. Não enterre o seu talento. Funcione no corpo de Cristo com o dom que Deus lhe deu. Exercite com fidelidade o seu dom. Não queira ser um gigante espiritual, apenas multiplique o dom que você recebeu;
2 Não pode um membro dizer que não precisa do outro (V. 21). Precisamos de todos os irmãos, assim como os membros do corpo precisam uns dos outros. Temos ministérios e comissões diferentes, porém, o Espírito é o mesmo e todos temos nossa importância no corpo de Cristo. Até os membros que parecem ser mais fracos são necessários (V. 22).
B – AMOR. O DOM MAIS EXCELENTE:
No final dos tempos, próximos da volta do Senhor Jesus, a Bíblia diz que o amor há de se esfriar de quase todos os homens (Mt 24:12), porém, o desejo de Deus para nós é que nunca deixemos de amar as pessoas;
  1. Em 1Co 12:31b a 1Co 13:13 vemos o amor como o caminho mais excelente. Amor é o maior dom de Deus. Em 2Pe 1:3-7 o apóstolo Pedro fala que temos a natureza divina a qual cresce em nós a partir da Fé e chega como ponto máximo, no amor (Ágape). Amor Ágape é amar todas as pessoas, não somente os irmãos em Cristo. É um amor incondicional, o qual todos nós devemos almejar alcançar;
  2. Amar é estar disposto a sofrer pelos outros. Em João 3:16 vemos que Deus amou ao mundo e deu o seu próprio filho por eles, porém, em 1Jo 3:16 vemos que Cristo deu a sua vida por nós e devemos dar a nossa vida pelos irmãos. Amar é desgastar-se pelos outros. Ex: Mãe que dá sua vida pelos filhos.
C – A OBRA DE DEUS DEVE SER FEITA EM AMOR:
  1. Nossa obra para Deus deve ser cheia de vida, isto é, cheia de amor. Amor é o fluir da vida de Deus. O amor deve ser o conteúdo e fator motivador de nossa obra;
  2. Nossa obra não pode ser vazia, senão seremos como bronze que soa ou como o címbalo que retine (1Co 13:1). Não podemos ser como uma lata vazia que só faz barulho e não tem conteúdo. Vamos buscar a excelência na obra de Deus;
  3. O caminho mais excelente para servir a Deus é o amor. Deus é amor (1Jo 4:16);
  4. Amor pelos irmãos é a disposição de colocar seus próprios interesses de lado, a fim de servi-los. Amar é servir. 1Jo 3:18 diz: “Filhinhos, não amemos de palavra nem de língua, mas de fato e de verdade”. O amor não se refere a meras palavras vazias, mas é manifestado em obras e ações;
  5. Leiamos 1Jo 4:10-12. Isso mostra que o amor para com Deus e o amor para com os outros não podem ser separados. O amor de Deus é aperfeiçoado em nós se amamos uns aos outros. Não devemos dizer de maneira vã que amamos a Deus. Precisamos aprender a amar os irmãos de maneira real;
  6. Devemos aprender a ser justos desde o início da nossa vida cristã, e ao mesmo tempo, não abandonar o amor. Se algo precisa ser feito, faça-o (ex. repreensão, exortação, orientação...), mas nunca faça nada que ofenda o amor. Devemos ser mansos, pacientes e humildes na atitude para com os outros.
  7. Mesmo quando há diferenças de opiniões entre os irmãos, ainda assim devemos ser mansos. Precisamos estar cheios de amor ao dizer ao irmão: “Irmão, como eu gostaria de ver como você vê, mas Deus me mostrou algo diferente e não tenho saída a não ser obedecer ao Senhor”. Não baixe o padrão da palavra de Deus, tampouco ofenda o amor. Por um lado seja obediente a Deus, e por outro, ame o seu irmão de todo coração. Aleluia!
“Todos os vossos atos sejam feitos com amor”. 1Co 16:14  
Compilado pela Igreja em Recife (www.igrejaemrecife.com.br), do livro Lições Para o Viver Cristão – Editora Árvore da Vida                                                                                                        

10 erros mais comuns dos pais

Você já considerou sobre os erros mais comuns que os pais cometem com seus filhos? Pensando nisto, listamos os dez mais comuns.

Falta de diálogo
Se não há ambiente em casa para compartilhar e conversar sobre os conflitos pessoais os filhos buscarão com qualquer pessoa.

Agressão
Embora a Bíblia menciona sobre a vara, isto não implica em agressão. Não a agressão física ou em palavras.

Rejeição ou inefetividade
Não demonstra carinho e afeição para com os filhos.

Superproteção
Fazer tudo pelos filhos e nunca contrariar o filho pode gerar alguém inseguro.

Negligencia no cuidado
Sempre entrega a outros o cuidado do filho.

Competição e desautorização
Os filhos são usados como arma de vingança entre os casais.

Manipulação dos filhos
Os filhos precisam saber que sua posição é de submeter aos pais.

Desinformação
Os pais não procuram saber sobre os conflitos e assédios que os filhos são pressionados. As companhias dos filhos.

Resistente as mudanças
Quem está disposto a apreender de Deus se abre para mudanças. Precisamos mudar para sermos exemplos reais para nossos filhos.

Modelos negativos
Atos 1:1 diz que Jesus fez e ensinou. Precisamos também ser modelos positivos.

Ainda que tenhamos um tempero diferente de cuidar de nossos filhos, todos nós precisamos deixar o Senhor treinar sobre nós e em nossa casa.

LIÇÃO 16 – PERDOAR AS OFENSAS ( I )

CURSO BÍBLICO – 
LIÇÃO 16 – PERDOAR AS OFENSAS ( I )
Leitura Bíblica: Mateus 18:21-35; Mateus 18: 15-20; Lucas 17:3-5; Colossenses 3:13
I – INTRODUÇÃO
Há uma coisa que devemos considerar: Que devemos fazer quando alguém nos ofende? Que fazer quando não fomos nós que ofendemos os outros, mas os outros nos ofenderam? Vamos ver a questão do perdão na ótica de Deus.
1 – O QUE É PERDÃO:
Na Bíblia palavra grega traduzida como "perdoar" significa literalmente cancelar ou remir. Significa a liberação ou cancelamento de uma obrigação e foi algumas vezes usada no sentido de perdoar um débito financeiro. O perdão, então, é um ato no qual o ofendido livra o ofensor do pecado, liberta-o da